Buscar
  • walter tierno

Ideias

Algo que sempre repito, não só nos cursos do Escrevivendo, mas em qualquer evento em que o assunto seja abordado: Ideias são superestimadas. Elas estão por aí. É a vida que passa. Penso nas ideias como uma multidão invisível de criaturinhas. Eles têm infinitas formas e cores, e muitos tamanhos. Circulam, passeiam, viajam. Podemos pescá-las à vontade. O que determina a qualidade do resultado de uma pescaria de ideias não é a pesca. É o pescador. De onde ele vem, onde pesca, com que equipamento, com que experiência, que tipo de isca ele usa. O que faz com a ideia que apanha? Devora crua? Faz um prato requintado? Adota, protege e a deixa se reproduzir? Doa a outro pescador? Ou vende? Mata e joga de lado? Devolve à liberdade?

Um making of da ilustração e do texto acima:

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Posições

Não é segredo minha opinião sobre Boslonaro e sua família. Nunca escondi meu desapontamento que vem desde que seu nome começou a crescer nas pesquisas eleitorais. E esse descontentamento não é com ele

Redes

Quem acompanha meus perfis nas redes sociais, em especial o Facebook, vai notar algo peculiar. Apaguei meus posts críticos, com exceção de cartuns e ilustrações, e tudo que publiquei antes de 2019. T

Ele mente as pessoas acreditam

Vou contar uma historinha pra vocês. Meu irmão estava em uma loja no centro de São Paulo, vendo armas de pressão. Dessas que atiram uma bolinha metálica. Na mesma loja, vendem armas de verdade. Enquan

  • facebook
  • insta
  • Branca Ícone LinkedIn